Futuros de Lisboa: Já existem

This post is also available in: Inglês Espanhol Francês

O Museu de Lisboa programou uma exposição temporária sob o tema ” Futuros de Lisboa “, que será aberta ao público no final de junho de 2018, no “Torreão Poente do Terreiro do Paço”, o núcleo do Museu de Lisboa.

Este projecto de exposição multidisciplinar foi estudado durante muito tempo, contando com o apoio de três curadores: João Seixas (geógrafo), Manuel Graça Dias (arquitecto); Sofia Guedes Vaz (engenheira do meio ambiente).

Com o objetivo de estar aberto às perguntas dos visitantes e suas perspectivas sobre a transição dos tempos em que vivemos atualmente, bem como quais podem ser os elementos mais relevantes de mudança no futuro e possíveis interpelações que as tendências podem criar para as cidades, para a vida urbana e, em particular, para Lisboa. Os principais núcleos da exposição serão: O futuro ao longo do tempo; Dificuldades em prever o futuro; O futuro que está aquí;  Perguntas sobre o futuro; Futuro hipotético de Lisboa; Os pilares de Lisboa.

A sala “Futuro que já está aqui” também integrará uma referência às redes internacionais em que a cidade de Lisboa, através da Câmara Municipal, tem um papel ativo, como a Conferência das Cidades do Arco Atlântico.

Além disso, a terceira edição do URBACT City Festival terá lugar em Lisboa, entre os dias 13 e 14 de Setembro, para responder a questões-chave como: Como podemos tornar as nossas cidades mais iguais? Mais acolhedoras para os recém-chegados? Como podemos aumentar a atratividade de nossas cidades e combater o desemprego? Verificar estão preparadas para as mudanças climáticas e são resilientes? Como podemos fazer tudo isso com menos?

Recommended For You