Cidades atlânticas são a chave para políticas verdes e azuis

This post is also available in: Inglês Espanhol Francês

A cidade portuguêsa de Lisboa ganhou a Capital Verde Europeia 2020. Este título foi concedido pelo Comissário Europeu para o Ambiente, Pescas e Assuntos Marítimos, Karmenu Vella, em uma cerimônia em Nijmegen para Baixos Baixos, a capital verde europeia atual.

O Prêmio Capital Verde da Europa é um prêmio que reconhece as cidades que melhor tratam o meio ambiente e o ambiente de vida de seus habitantes. O júri considerou que Lisboa, que iniciou o seu caminho para a sustentabilidade em tempos de crise económica, pode ser uma fonte de inspiração e um modelo para muitas cidades da UE. Isso mostra claramente que a sustentabilidade e o crescimento econômico andam de mãos dadas.

Além disso, Brest, presidente da Comissão Temática do Oceano, receberá o Observatório Marítimo Europeu. Devido ao Brexit, o Centro de Segurança Marítima do Chifre da África está mudando sua sede de Northwood, no Reino Unido, para Brest.

Esta proposta recebeu o acordo dos Ministros da Defesa europeus no Luxemburgo e será confirmada pelo Conselho em Julho. O MSC-HOA (Centro de Segurança Marítima – Corno de África) fornece vigilância 24 horas do tráfego marítimo no Golfo de Aden.

Se você acha que sua cidade atlântica também é um exemplo de cidade verde ou azul, não hesite em nos contatar.

Recommended For You