ecoRIS3: A inovação como impulso para o desenvolvimento urbano

This post is also available in: Español (Espanhol) Français (Francês) English (Inglês)

No dia 22 de Outubro, em Cherbourg (França), os parceiros do projecto ecoRIS3, que tem como tema a inovação, puderam discutir o seu avanço com actores-chave da região, no âmbito de uma Mesa Executiva Estendida das Cidades Atlânticas.

Esta reunião permitiu desenvolver o objectivo do projecto, que visa favorecer uma especialização inteligente (RIS3) adaptada aos territórios. O papel do “território” é fundamental para criar interconexões entre os actores-chave e assim permitir uma melhor circulação do conhecimento.

O projecto foi apresentado por John Hobbs, Professor no Cork Institute of Technology e pela Secretária-Geral das Cidades Atlânticas, Tamara Espiñeira, que destacou os três principais objectivos para os próximos anos:

  1. melhorar os ecossistemas de inovação
  2. Gerar interações solidas entre as principais partes interessadas, como parte da hélice quádrupla.
  3. Inovação sustentável no âmbito do desenvolvimento urbano (cidades inteligentes, Ações Urbanas Inovadoras).
  4. Propor políticas e medidas de apoio aos ecossistemas de inovação locais e regionais.

Várias iniciativas foram apresentadas durante as mesas redondas com o objectivo comum de transferir mais eficazmente a inovação local para as PME e contribuir para o desenvolvimento dos territórios.

Para mais informações sobre o projecto ECORIS3, consulte o TWITTER e o site.

O projecto ecoRIS3 é financiado pelo FEDER no âmbito do programa INTERREG EUROPE.

Share